Tudo o que você precisa saber sobre um financiamento de moto

Quem nunca sonhou em ter mais autonomia, praticidade, agilidade e rapidez para chegar nos destinos? Seja para ir à faculdade, trabalho, fazer, compras, passear, resolver as coisas na rua e até mesmo para fugir do trânsito. 

Isso porque com uma moto, você pode se organizar para sair de casa fora do horário de pico e encontrar o trânsito mais livre para chegar no seu destino, sem ter que depender de um transporte público. Todas essas são qualidades, vantagens e benefícios de ter uma moto na garagem. 

Sem falar que, com uma moto você ainda pode fazer uma renda extra. Você sabia que, hoje em dia muitas pessoas estão ganhando dinheiro com trabalho de entregador? 

Graças a tecnologia e a inovação, já existem empresas como o Uber Eats, Ifood e Rappi que trabalham levando às compras dos clientes. Esse é um trabalho autônomo que permite que os trabalhadores façam seus horários ou ainda, façam uma renda extra, se for conciliado com o trabalho formal. 

Mais uma vez, essa é uma das qualidades de ter um bela moto em casa. Mas, e você, já pensou em ter uma moto para chamar de sua? Sim? O que está faltando? 

Se a resposta for dinheiro, entendemos completamente, e por isso, gostaríamos de apresentar algumas opções para que você possa realizar o seu sonho de ter uma moto. 

Algumas pessoas usam o dinheiro em espécie como recurso para comprar uma moto, mas essa opção pode levar alguns anos para ser realizada. Outras pessoas, preferem pegar um dinheiro emprestado para realizar seus sonhos, e outras buscam um financiamento de moto. 

Hoje, iremos esclarecer todas às dúvidas de quem deseja comprar uma moto através de um financiamento. 

Deseja ter uma moto para chamar de sua? Leia até o final: 

 O que é um financiamento de moto

O financiamento de moto funciona como um empréstimo financeiro, só que nessa opção o dinheiro é disponibilizado para um objetivo específico: comprar a moto! 

O processo de financiamento pode ser feito diretamente com o banco escolhido, ou com uma instituição de crédito, mas antes disso é preciso que você saiba qual moto deseja comprar, pois o banco/instituição de crédito, fará uma análise do perfil financeiro do cliente com objetivo de entender mais sobre o potencial pagador desse cliente.

A análise é feita com base nos dados financeiros e com base no veículo que o cliente almeja comprar. Por isso, é preciso saber a data de fabricação, valor e marca da moto. 

Após validar do perfil financeiro do cliente, o banco pode aprovar ou não o crédito. Em caso de aprovação, os clientes já recebem a carta de crédito para irem diretamente na concessionária para efetivar a compra. 

A maioria das empresas disponibilizam até 36 meses para que seus cliente possam fazer a quitação do financiamento. Isso é ideal para os clientes que desejam pagar em mais tempo de forma tranquila. 

É muito importante falar que existem instituições que cobrem até 100% do financiamento da moto, sendo assim o cliente não precisa desembolsar nenhum valor, o que é ideal para os clientes que estão com menos condições financeiras.

Já por outro lado, existem empresas que podem requerer uma entrada no ato do financiamento, em alguns casos esse valor pode corresponder a 10% do valor do veículo. 

O momento da compra da moto é sem dúvidas, um momento único e muito feliz na vida de alguém, principalmente de quem está há muitos anos em busca desse sonho. Mas vale ressaltar aqui, a importância de ter bastante cuidado e de se planejar bem.

Escolha o melhor veículo para as suas condições, não compre algo que vá encontrar dificuldades para pagar às parcelas todos os meses.

Pois, o banco concede o valor da moto para que você possa comprar, mas, vale lembrar que até a quitação, o veículo fica alienado ao banco. Isso significa que se você deixar de pagar, o banco pode solicitar a moto para vendê-la a fim de quitar à dívida. 

Passo a passo para contratar um financiamento de moto 

Agora que você já entendeu como funciona um financiamento de moto, agora é hora de entender como finalmente fazer isso, confira a seguir o passo a passo:

Passo #1: Consulte o seu CPF! Isso mesmo, é muito importante fazer uma breve consulta para entender como está sua situação de crédito no mercado.

Você sabia que existem inúmeras pessoas que sujam o nome porque esqueceram de pagar alguma conta, sabe aquele cartão de crédito de loja que você deixou passar despercebido? Então, ele pode te atrapalhar nesse momento, por isso é importante que você veja se tem alguma restrição, se tiver, resolva o quanto antes. 

Lembrando que após pagar uma conta, o órgão de proteção ao crédito podem levar até 5 dias úteis para limpar o seu nome, então é recomendado que você espere esse prazo, para na sequência ir em busca do financiamento com o banco. 

Passo #2: Não hesite na hora de pesquisar os bancos disponíveis para financiamento de moto. Aqui no Brasil, nós temos inúmeras opções, desde de concessionárias autorizadas a instituições financeiras e bancos que trabalham com a modalidade de financiamento de moto. 

Então, vale pesquisar, comparar as taxas de juros, analisar as propostas, conhecer melhor as empresas e solicitar uma simulação em cada uma. Nós recomendamos que compare pelo menos 5 propostas. 

Passo #3: Após descobrir quais são as empresas que você acredita e deseja financiar sua moto, agora é hora de simular, simular e simular. Algumas empresas disponibilizam essa opção através de um simulador presente em seus sites, isso é ótimo pois oferece mais autonomia aos seus clientes, porque eles podem simular por conta própria quantas vezes quiserem.

Passo #4: Guarde dinheiro, esse é sem dúvidas um conselho de amigo! Como já foi falado anteriormente, existem empresas que oferecem até 100% do financiamento, mas em sua maioria essas são condições para motos novas. Se você deseja comprar uma moto usada, é recomendável que separe um dinheiro para dar entrada.

Passo #5: Prepare todos os documentos! Os documentos são imprescindíveis na hora da análise de perfil financeiro do cliente, então, capriche nos documentos!  Separe todos com cuidado, não deixe passar nenhuma informação importante sobre você. 

Documentos necessários

1. Registro Geral – RG

2. CPF 

3. Comprovante de renda 

4. Comprovante de endereço: conta de água, luz, boleto de cartão de crédito, IPTU, conta de telefone e internet. 

Para o comprovante de residência é importante que seja no CPF da pessoa que está indo fazer a compra, ou nome do cônjuge, pai ou mãe.

Caso a casa seja alugada e não tenha comprovante no nome do titular, é precioso que o dono da casa faça uma carta de próprio punho alegando que a casa está alugada, e a mesma deve ser reconhecida em cartório. 

Como financiar uma moto com o nome sujo

Você deve estar se perguntando o que é um consórcio, e de forma prática te explicamos que esse também é um tipo de financiamento oferecido por muitas instituições. Uma grande vantagem do consórcio é que ele não cobra taxa de juros, e sim, uma taxa de administração. 

No geral, existe um grupo de pessoas que também fizeram o consórcio e estão pagando todos os meses por ele. O seu diferencial é que todos os meses um participante é contemplado com a carta de crédito para comprar sua moto. Ou ainda, há a opção de dar um lance para ser escolhido, esse lance trata-se de um adiantamento das parcelas futuras. 

Essa é uma ótima forma de comprar uma moto mesmo estando com o nome sujo, pois todos podem fazer o consórcio.

Mas é importante que as pessoas resolvam suas pendências financeiras o quanto antes, pois ao ser contemplado com a carta de crédito, as administradoras exigem que os contemplados estejam em condições adequadas para assumir o financiamento, isso quer dizer: com o nome limpo. 

Mas, caso seja contemplado e ainda não tenha limpado o seu nome, não se preocupe pois você receberá seu veículo após a quitação completa da moto. Da mesma forma, as outras pessoas que não foram contempladas com o sorteio ou com o lance. 

Consórcio com a Honda

Quem nunca ouviu falar no consórcio com a Honda com certeza não vive nesse planeta, pois esta é uma empresa de referência no assunto.

O Consórcio Honda é considerado uma das maiores administradoras de todo o Brasil. O lema dessa instituição é oferecer comodidade, segurança, agilidade e inovação. A empresa já ajudou cerca de 6 milhões de pessoas à realizarem os seus sonhos.

Para fazer um consórcio com a Honda, os clientes devem escolher um plano entre as diversas opções que essa instituição oferece.

Após decidir por fechar o consórcio com a Honda, os clientes devem escolher a moto, os valores, os prazos, efetuar o pagamento das suas parcelas em dia e participar das assembleias mensais, onde todo mês terá um novo contemplado. 

Essa é uma ótima forma de se livrar das taxas de juros e ganhar o direito de fazer lances livres, a empresa tem opções para você assumir parcelas a partir de R$ 120,00 reais ao mês.

Realmente vale a pena dar uma olhada nas condições. Você pode ir diretamente no site e buscar por um promotor perto de você. 

Financiamento de moto com o Santander 

Com essa instituição, os cliente possuem diversas opções e condições, que pelo menos um poderá caber no seu bolso. Essa é uma forma de fazer um financiamento personalizado com simuladores tecnológicos, e todo o processo de contratação do financiamento pode ser online, e claro, seguro pois o Santander é um banco reconhecido nacionalmente no Brasil, e atua de acordo com todas as diretrizes do Banco Central do Brasil. 

Para financiar com esse banco, os clientes devem primeiramente escolher um veículo, disponibilizar os dados pessoais para que a empresa possa analisar o perfil financeiro, e caso seja aprovado a empresa irá disponibilizar a carta de crédito da forma mais eficaz o possível para que seus clientes possam correr em direção à realização do seu sonho.

Os clientes possuem chance de conseguir um financiamento de até 100% para serem parcelados ao em 48 meses.

Para os clientes que estão interessados em escolher uma moto usada, devem ficar atentos ao ano de fabricação, pois o Santander financia motos que possuem até 10 anos de fabricação. 

Financiamento com a BV Financeira 

No Financiamento de motos com a BV você pode encontrar ótimas condições, parcelas e juros fixados até o final do contrato. Outra vantagem é que com essa empresa os clientes também podem comprar motos novas e usadas. Isso é ótimo, concorda?

Isso porque os veículos usados podem ser excelentes opções para as pessoas que buscam comprar algo mais em conta para que as parcelas fiquem mais baixas. 

Para fazer a contratação, basta acessar o site oficial da BV, fazer uma simulação, enviar a proposta da moto, os documentos pessoais e financeiros para que possam ser analisados.

E por fim, em caso de aprovação, o cliente será convidado para assinar o contrato, e receberá a carta de crédito para ir buscar sua moto em uma concessionária. 

Financiamento de moto com o Banco do Brasil 

O Banco do Brasil também é uma opção para quem está em busca de realizar o sonho da moto própria. 

Você sabia que com o Banco do Brasil, você pode conseguir um prazo de 36 meses para pagar, com opção de conseguir juros fixados até o final do contrato e até 59 dias para começar a pagar a primeira parcela? Pois é, isso é ótimo para quem está se planejamento e deseja retirar o plano do papel. 

Com essa empresa você também tem a opção de simular quantas vezes desejar, tanto pelo site como pelo aplicativo do banco

Financiamento de moto com a Caixa 

Já pensou em fazer um financiamento de moto com a Caixa? Essa também pode ser uma ótima opção para você. Isso porque a Caixa é um banco referência e muitas pessoas já nutrem algum tipo de relacionamento através de seus serviços. 

Com a Caixa os clientes podem conseguir até 80% do veículo, com taxa de juros pré-fixadas sem cobranças de taxas adicionais. 

Para isso, basta ir diretamente a uma agência Caixa para conversar com um gerente e analisar as melhores propostas para você. E claro, já leve seus documentos pessoais e as informações sobre o veículo que deseja. 

Todas essas foram as nossas dicas para que você possa fazer um financiamento de moto de forma inteligente.

O que achou? Caso tenha te ajudado, compartilhe com seus amigos que também sonham em ter uma moto. 

Você também pode se interessar por:
1. Quais são as motos mais baratas e caras.
2. Harley-Davidson planeja trazer primeiro modelo de moto elétrica da marca para o Brasil em 2020.


Leia também:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *